Ítalo Manzine, a nova cara do Brasil nos 50m livre.

31 maio Ítalo Manzine, a nova cara do Brasil nos 50m livre.

Ítalo Manzine é um jovem nadador de 24 anos nascido em Belo Horizonte.  Começou sua carreira no Ideal Clube de Paraguaçu, Minas Gerais, aos 5 anos. Já nadou pelo Mackenzie Esporte Clube (BH), Pinheiros (SP) e atualmente é atleta do Minas (BH).  Em 2011, com apenas 19 anos, já era o quarto mais rápido do Brasil na prova dos 50m livre, atrás apenas de Cesar Cielo, Bruno Fratus e Nicolas Santos.

Em 2015, na primeira seletiva para os Jogo Olímpicos do Rio, Ítalo nadou para 22:08 no 50m livre,italo_1_J92kV59marca que lhe garantiu até o momento, a 2ª vaga para as Olimpíadas e o posicionou entre os 25 mais rápidos do mundo nessa prova.

Mas foi agora, na última seletiva para as Olimpíadas, o Troféu Maria Lenk, em abril, no Rio de Janeiro, que Ítalo virou assunto nacional e internacional. Não só porque garantiu sua vaga nas olimpíadas, mas porque seu feito tirou o Campeão Olímpico e Mundial, Cesar Cielo, dos jogos olímpicos. Fazendo 21:82 ele marcou até a data o 6º melhor tempo do mundo da temporada.

Ao lado de Bruno Fratus, Ítalo irá representar o Brasil em agosto no Rio na prova dos 50m livre, a prova de velocidade mais famosa da natação.

Confira a seguir uma pequena entrevista que Ítalo concedeu para o blog Natação Brasil.

NB :O que significa participar das Olimpíadas para você?
IM: Para mim, estar em uma Olimpíadas significa a realização de um sonho, mas acima de tudo um privilégio e honra indescritível.

NB: Qual é a sensação estrear nas Olimpíadas no Rio ?
IM: Sempre sonhei em participar de uma Olimpíadas, e depois de muito esforço, treino e acima de tudo perseverança para alcançar esse objetivo a sensação é de muita alegria, pois depois de todo o esforço é muito bom saber que tudo o que fiz me colocou no caminho certo.

210416_4NB: O que você espera alcançar nas Olimpíadas?
IM: Sempre sonhei alto e minhas expectativas nessas olimpíadas não poderia deixar de ser diferente, não espero nada menos do que uma medalha.

NB: Você ficou com a 2ª vaga da prova mais disputada da seletiva para os Jogos Olímpicos. Qual é a sensação de ser um dos representantes do Brasil nessa prova tão popular e que as pessoas esperam tanto?
IM: O 50m livre sempre foi uma prova muito disputada, e foi nos jogos Olímpicos  de 2008 quando eu vi  o Cesar ganhando o ouro, eu decidi que queria ir para uma Olimpíadas naquela prova, o caminho para o meu objetivo foi muito árduo e doloroso,  é normal que pelo tradicionalismo da prova as pessoas esperam  muito do Bruno Fratus e de mim, mas sempre nadei por prazer e nunca deixei que a pressão me atrapalhasse.

NB: Onde você acha que o time de natação pode chegar nas Olimpíadas de 2016?
IM: Creio que o Brasil de um modo geral irá ter um resultado muito bom em todas as modalidades, simplesmente pelos jogos serem aqui no Brasil. A torcida pode esperar o melhor resultado de todos os tempos.

NB: Você acredita que as Olimpíadas podem deixar um legado positivo para o Rio de Janeiro?
IM: Claro, o espírito Olímpico é algo muito poderoso e tudo o que envolve uma Olimpíada pode ser muito vantajoso, cabe a população saber usar.

NB: O que você falaria para as crianças e jovens que tem o sonho de chegar a uma Olimpíada?
IM: Acreditem sempre que seu sonho é possível e lutem bastante por ele, nunca abram mão do seu sonho, momentos de dor e tristeza vão aparecer, mas mantenham a calma e resistam. E lembrem-se: se você acredita que seu sonho é possível então você pode conquistar o impossível.

Veja aqui a prova e uma entrevista de Ítalo após garantir a vaga.

 Obrigada, Ítalo!! Nós do Natação Brasil estamos na torcida para que você alcance seus objetivos!!

Confira a entrevista com Marcelo Chierighini.

Confira a entrevista com ítalo Manzine.

Confira a entrevista com Manuella Lyrio.

Confira a entrevista com Tales Cerdeira.

 

Nenhum comentário

Publique um comentário.